InícioBoca MiúdaBOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA SEGUNDA-FEIRA...

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA SEGUNDA-FEIRA (2)

O que motivou as novas canetadas de Zé Bonifácio? Reunião sobre o Galpão do Sal; Serginho na manifestação pelo voto impresso; Se gritar “pega fantasma, não fica um”; Alexandre Martins reúne comerciantes; Solução à vista para o transporte público de São Pedro; Vantoil Martins faz política e nos intervalos trilha; Gira Renda saindo do forno em Arraial; Lívia de Chiquinho e o agosto dourado;... E muito mais!

A CANETA NERVOSA DE ZÉ

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT) promoveu uma nova dança das cadeiras “daquelas” pelo Diário Oficial nesta segunda-feira (2). Teve troca na Procuradoria-Geral, Chefia de Gabinete e a exoneração do secretário de Saúde, Felipe Fernandes, que deve tomar posse na Câmara nesta terça (3). Felipe é o primeiro suplente do PDT e assume a vaga de vereador que era de Davi Souza, atual secretário de Governo. A ideia, porém, confirmada em nota pela Prefeitura é que Fernandes volte para a secretaria de Saúde e deixe o cargo na Câmara com Felipe Monteiro (PDT), 2º suplente. Aliás, o presidente da Câmara, Miguel Alencar (DEM) informou que na terça recomeçam os trabalhos legislativos e a pauta prevê o anuncio da retomada das atividades e a posse do suplente. E só. Sobre a Procuradoria-Geral, o advogado Vitor Martim de Almeida Leite foi exonerado para assumir o cargo de Assessor Especial I, no Gabinete do Prefeito. Para o local de Vitor, foi nomeado Victor Loiola Rodrigues Gaspar, que atuava como Procurador Jurídico do município.

A CANETA NERVOSA DE ZÉ II

Ao Portal RC24h, fontes do governo disseram que havia sido acordado entre Martim e Bonifácio que ele só assumiria a Procuradoria por seis meses e os dois escolheriam, juntos, um sucessor. Mas outras fontes tem versões desencontradas. Umas disseram que o advogado andava preocupado com a teimosia de Zé. E tem mais, não nomeou o indicado dele. Já na chefia de Gabinete, Pedro José (foto) foi alçado ao comando do cargo, espaço que ambicionava desde a saída de Nilza Miqueloti da função. Com isso, Tainara de Souza passa a subchefe de Gabinete. Haja tinta na caneta, hein? Com essa mudança, Zé bate recorde e ganha a fama de governo rodízio. São nove mudanças em apenas sete meses de administração. Isso dá mais de uma mudança por mês. Pessoal vinha zoando o prefeito da Aldeia, Fábio do Pastel (PL), mas parece que o empresário não é o único especializado em rodízios da região. O vizinho aqui gosta de trabalhar com alta rotatividade na administração. O detalhe é que isso gera insegurança na equipe e confusão na população.

A CANETA NERVOSA DE ZÉ III

Outra mudança publicada no Diário Oficial foi a exoneração de Pedro Canellas do cargo de Assessor Especial. Dr. Pedro fez questão de destacar que a exoneração foi a seu pedido, por conta de incompatibilidade de agenda. Pedro comentou pelo telefone que anda muito atarefado, advogando para muitos clientes, e por isso, fica complicado dar expediente na prefeitura de Cabo Frio. Mas o advogado salientou que não houve ruptura com o prefeito: “Zé é meu amigo. Gosto muito dele. Saí por causa de outros projetos”, comentou.

PREFEITO, CMUPAC E O GALPÃO DO SAL

Ainda sobre o prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), ele se reuniu nesta segunda-feira (2), com membros do Conselho Municipal do Patrimônio Artístico e Cultural (CMUPAC) para ouvir o que os conselheiros tinham a dizer sobre a situação do (que resta) Galpão do Sal. O encontro acontece após a polêmica da semana passada, quando houve retirada de escombros, segundo a Prefeitura, de uma parte da estrutura que havia desmoronado. Acontece que o conselho do patrimônio e outros historiadores locais afirmaram categoricamente que o que realmente houve foi uma demolição. Na reunião, foi apresentada a situação daquela área, que é particular. O processo foi aberto em 2017, pelo proprietário do imóvel, que queria demolir algumas benfeitorias que estavam prestes a cair porque a estrutura estava condenada. Assim disse a prefeitura, mas há muita discordância disso, especialmente por aqueles que defendem o patrimônio histórico.

CPI DA COVID SE REÚNE

Os integrantes da CPI da Covid na Câmara de Cabo Frio, se encontraram a segunda-feira (2), para entrega de requerimentos que serão discutidos e votados na próxima semana. Presentes o presidente da CPI, Roberto Jesus (MDB); o relator Rodolfo de Rui (SDD); e os vereadores Alexandre da Colônia (DEM); Carol Midori (DC) e Vinicius Corrêa (PP). Ficou definido ainda que Oseias de Tamoios (PDT) integrará a comissão, substituindo Davi Souza (PDT), que se licenciou do cargo para ocupar a secretaria de Governo. A Comissão tem como finalidade apurar gastos com saúde durante o período pandêmico da Covid-19. Os integrantes voltam a se reunir na próxima segunda-feira (9). Após a aprovação, os requerimentos serão enviados aos órgãos competentes.

OUVINDO OS COMERCIANTES

De Búzios, o prefeito Alexandre Martins (REP) se uniu a secretários e vereadores para conversar com comerciantes de Cem Braças, diálogo que faz parte do governo participativo. O encontro aconteceu na noite gelada da última sexta (30), na Escola José Pereira. “Encontros como este são de suma importância para ouvir as necessidades da população”, comentou Alexandre. Organizado pelo vereador Rafael Aguiar, também estiveram presentes os vereadores Uriel da Saúde (PRTB), Victor Santos (REP), Aurélio Barros (PATRI) e os secretários de Obras, Miguel Pereira (PL) – que é o vice-prefeito, de Turismo, Dom, de Segurança Pública e Ordem Pública, Sérgio Ferreira, e de Serviços Públicos, Marcus Vallerius da Silva, o Marcão.

AUDIÊNCIA PÚBLICA SUSPENSA

Continuando em Búzios, nessa segunda-feira (2) a Comissão de Obras, Serviços Públicos, Meio Ambiente e Pesca da Câmara Municipal suspendeu a audiência pública para discutir o Projeto de Lei Complementar 04/2020, que fala da permissão da implantação de hotéis categoria “C” na macrozona continental do município. O serviço de hospedagem tipo C é aquele que possui acima de 25 unidades habitacionais e exige planejamento específico para sua localização. A audiência foi suspensa pela ausência de representantes do poder executivo.

NA TRILHA

As semanas em Iguaba Grande têm sido bem intensas para o prefeito Vantoil Martins (CID): obras a todo vapor na cidade, vacinação, visitas de parlamentares, idas ao Palácio Guanabara para assinatura de convênio, fora os despachos diários e obrigatórios. Nada melhor que manter o físico em dia e Vantoil aproveitou para fazer uma caminhada nesse fim de semana. Escolheu a trilha municipal parque ecológico, no bairro São Miguel, um dos xodós do prefeito iguabense. Foi acompanhado dos amigos Freitas e da professora de dança Gleice.

AGRICULTURA E SAÚDE

Ainda de Iguaba Grande, a semana é de preparativos para a segunda edição da Feirinha Criatividades da Terra, na Praça Edyla Pinheiro, no próximo sábado (7). Desta vez cerca de 80 expositores devem participar. A ação tem como finalidade dar oportunidade para que pequenos produtores, artesãos e comerciantes, estimulando a geração de renda para esses profissionais autônomos. Nesta edição, além de diversos pratos da gastronomia nordestina, terá também cerveja artesanal produzida em Iguaba Grande, produtos de agricultura familiar, temperos naturais, doces artesanais, arte com palets, costura criativa e muito mais. E para quem gosta de cultivar é bom chegar cedo, pois a Secretaria de Meio Ambiente vai distribuir 380 mudas de plantas com adubo, entre elas nativas, frutíferas e ornamentais. Além disso, terá novamente a adoção de animais domésticos. Já a Secretaria de Agricultura vai distribuir para a população sementes de hortaliças, e adubo. E partir das 10h vai ter roda de capoeira para quem quiser participar. A saúde também terá atenção na feira, com aferição de pressão arterial, glicemia capilar e glicose. A secretaria de Saúde também vai disponibilizar um ônibus de exames para realizar mamografia, ultrassonografia e eletrocardiograma para quem já estava na fila de marcação.

GIRA RENDA CABISTA

A Prefeitura de Arraial do Cabo recebeu nesta segunda-feira (2), a documentação das famílias cadastradas para o Programa Gira Renda Cabista. Foram atendidos, na Escola Municipal Vera Felizardo, moradores de Figueira, Novo Arraial, Caiçara, Sabiá e Pernambuca. O secretário de Desenvolvimento Social do município, Wagner Lima, afirmou que, nesta terça (3), a entrega dos documentos será em Monte Alto, na Escola Francisco Luiz Sobrinho.

CÔNSUL NO CABO

O Cônsul da República Dominicana no Brasil, Carlos Polibio Michel, esteve em Arraial do Cabo neste sábado (31). O Cônsul foi recebido com um café da manhã pelo superintendente de Cultura, Max Magalhães, e o assessor do prefeito de Arraial do Cabo, Bruno Costa. Segundo a Prefeitura, o encontro foi produtivo, culminando no convite para um intercâmbio cultural com a exportação do artesanato cabista para a República Dominicana e projeções de investimentos em projetos artísticos com o município. Será que vem coisa boa por aí?

A TAL VOTAÇÃO DAS CONTAS

O Legislativo de Arraial do Cabo, em sessão nesta terça-feira (3), enfim deve votar as contas do ex-prefeito Andinho relativas aos anos de 2009 e 2011. A matéria anda transitando na pauta dos edis desde o começo do ano e deixando quem acompanha essa movimentação no estilo São Tomé, só acredita vendo. Por enquanto, o parecer das contas de 2009 é favorável, enquanto o das de 2011 é contra. Agora é aguardar para ver como os parlamentares vão votar.

AGOSTO DOURADO

Uma das poucas prefeitas mulheres do estado do Rio de Janeiro, Lívia Bello (PP), chefe do Executivo araruamense, participou de uma ação nesta segunda-feira (2) em alusão ao Agosto Dourado, mês de conscientização e incentivo ao aleitamento materno. Lívia acompanhou, pessoalmente, a abertura da semana de conscientização, que vai contar com palestras com profissionais da saúde para que as mamães do município possam tirar suas dúvidas. O evento foi realizado no Hospital Maternidade Jaqueline Prates, inaugurado ano passado.

DA OPOSIÇÃO AO PERDÃO

O clima paz e amor do relacionamento entre os vereadores de Araruama, Oliveira da Guarda (MDB) e Penha Bernardes (PL) ultrapassou o casal e chegou até nas atividades de oposição que os dois desempenharam em um passado não tão distante. Confirmando aquela postura mais governista que a coluna sempre tem comentado, Penha publicou, via stories do Instagram, na sexta-feira (30), um pedido de perdão à secretária de Saúde de Araruama, Ana Paula Corrêa. “Tamo junto (sic), minha amiga! Desculpa por alguma coisa, você é um ser humano maravilhoso, somos passíveis de erros (sic). Estou aqui, eu e Oliveira para te pedir perdão por qualquer coisa!”, escreveu a parlamentar. É, meus amigos, os tempos são outros mesmo, hein? Quem diria…

SOLUÇÃO À VISTA

De São Pedro da Aldeia, a prefeitura continua nas tratativas com a autoviação São Pedro para resolver o problema do transporte público coletivo. Depois cancelar o contrato que tinha com a prefeitura, pela justificativa de que a maioria dos usuários eram não-pagantes e que por isso a empresa não teria como continuar prestando serviço na cidade, o município conseguiu na justiça que os ônibus continuassem a circular até 8 de agosto (próximo domingo), enquanto buscava solucionar essa questão. Na última quinta (29), uma minuta de um acordo proposto pelo executivo aldeense foi enviada pela procuradoria-geral do município à Salineira. O teor da proposta não é sabido, mas foi aceito pela empresa, de maneira verbal e a expectativa é que até o fim da semana haja um acordo formado que deve ser oficializado e peticionado junto à justiça. Ao que tudo indica, existe uma solução no horizonte e felizmente a população não deve ficar sem ônibus. Até porque isso significaria o caos, principalmente pelo tamanho da cidade. Imagina quem mora na periferia ou na zona rural, a dificuldade para poder se locomover – porque conseguir carona ou pagar Uber não é todo mundo que tem condição. Ainda existe o temor de que vans e transportes alternativos venham com Kinder Ovo (surpresinha) junto, pois tal como no Rio e região metropolitana, em que esse modelo de transporte é dominado pelos grupos milicianos.

PASSAPORTE PARA O FUTURO

O prefeito de Maricá, Fabiano Horta (PT) comemorou a primeira turma de formandos do programa Passaporte Universitário. O primeiro grupo a concluir o curso de graduação custeado pela Prefeitura tem 29 estudantes formados em Gestão Pública pela Universidade de Vassouras. “Parabéns aos mais novos graduados da nossa cidade. Nós seguiremos investindo nas pessoas e transformando sonhos em realidade através da educação”, escreveu Horta.

DE VOLTA PRO PASSADO

Agora, vamos falar de uma coisa mais clássica, vintage, saudosista, talvez. Neste domingo (1º), manifestantes foram as ruas de diversos locais do país para apoiar o presidente, Jair Bolsonaro (sem partido), e pedir a volta do voto impresso. Sim, ainda estamos em 2021, não teve volta no tempo, não. Os grupos insistem na ideia de que há fraudes no modelo eletrônico de votação, mesmo que não haja qualquer evidência ou provas de que tenha acontecido, como o próprio Jair Bolsonaro disse em uma live na semana passada. Na Região dos Lagos, mais especificamente em Búzios, o movimento teve a ilustre participação do fiel escudeiro de Jair e secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Serginho. Ele também acompanhou a manifestação em Niterói. A turma, é claro, não perdeu a piada e, aproveitando que Serginho é o titular da pasta de “Ciência e Tecnologia”, o pessoal já está esperando que ele anuncie a volta do uso da máquina de escrever. Olha que fantástico. É um instrumento tão avançado do ponto de vista tecnológico que imprime enquanto você escreve. É ou não é a maior revolução tecnológica de todos os tempos da última semana? Já fica a ideia.

SE GRITAR “PEGA FANTASMA!” NÃO FICA UM…

Uma denúncia de “remanejamento” de dinheiro público está dando o que falar dentro do executivo estadual e já espirrou por aqui pela Região dos Lagos também. E tem a ver com a Cecierj (educação à distância), da secretaria estadual de Ciência e Tecnologia. A denúncia dá conta de que não há recursos para melhoria na infraestrutura de equipamentos da instituição e nem para bolsas de estudo – o número de bolsistas caiu 50%, mas por outro lado não falta verba para contratações de pessoas que seriam ligadas ao presidente da instituição. “Funcionários que quase ninguém sabe onde estão lotados (…) o contrato da segurança patrimonial, ‘recém-contratada’, não é possível localizar os vigilantes, em razão da licitação permitir um número móvel de profissionais, é importante frisar que a localização dos postos de trabalho, somente o presidente e o gestor do contrato sabem. É importante uma auditoria nos contratos da instituição Cecierj, a pandemia não pode justificar funcionários fantasmas, sendo chamado de “off-line”, ou verbas de bolsista sendo retirada para ser redistribuída aos protegidos”, diz a denúncia. A turma não perdeu tempo e já mandou: “Se gritar pega fantasma, não fica um meu irmão”. Piada é ótima, mas será que tem fundamento? Diz o ditado que o povo aumenta, mas não inventa.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content