Arraial do Cabo ganha dois ecopontos para coleta de óleo usado

574

Iniciativa é da Prolagos em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Saneamento do município

Com o objetivo de estimular atitudes mais sustentáveis e evitar a degradação das redes de esgoto, a Prolagos, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente e Saneamento de Arraial do Cabo, instalou dois novos ecopontos para recolhimento de óleo de cozinha usado no município cabista, um na sede da secretaria e outro na sede da Administração do segundo distrito. A ação faz parte do programa da concessionária ‘De Olho no Óleo’, que desde 2019 busca conscientizar alunos da rede pública de ensino, associações de moradores e restaurantes sobre como utilizar corretamente as redes públicas.

“O principal objetivo da instalação dos coletores é dar à população uma opção adequada ao descarte do óleo, evitando que ele seja jogado na rede coletora de esgoto através da pia. Esta ação é muito importante para a conservação ambiental dos recursos hídricos. Pela primeira vez na história do município, a Secretaria de Meio Ambiente trouxe também como objeto o saneamento. Estamos desenvolvendo diversos projetos nessa linha e para que a gente alcance nossos objetivos é primordial a parceria com a Prolagos”, comenta Jorge Oliveira, Secretário Municipal de Meio Ambiente e Saneamento de Arraial do Cabo.

Os novos ecopontos se somam as associações de moradores parceiras do projeto, que, desde o ano passado, passaram a receber em suas sedes o resíduo coletado por moradores, restaurantes e comércios locais. Além de contar com a parceria das lideranças comunitárias e agora do município de Arraial do Cabo, a Prolagos também busca conscientizar os moradores da área de concessão por meio das redes sociais e ações com restaurantes e escolas da rede municipal.

“Devemos estar atentos ao descarte do óleo, porque atitudes do cotidiano como essa podem impactar diretamente o meio ambiente.  Este resíduo pode provocar obstrução das tubulações, ocasionando extravasamento. Se descartado em mares, rios, ou lagoas, o óleo permanece na superfície impedindo a entrada da luz, agredindo o ecossistema marinho ou lagunar. O nosso programa traz a oportunidade para os moradores contribuírem com a melhoria da qualidade de vida de toda a população”, comenta Francine Melo, coordenadora de Responsabilidade Social da Prolagos, uma  empresa da Aegea Saneamento. 

Para apoiar o meio ambiente com a destinação correta do resíduo, basta esperar o óleo esfriar, colocar em uma garrafa de plástico e deixar no ecoponto mais próximo.

Confira os endereços:

Sede da Secretaria de Meio Ambiente e Saneamento

Rua Tókio, 76, Vila Canaa, Arraial do Cabo

Sede da Administração do Segundo Distrito

Av. Pedro Francisco Sanches, 70, Monte Alto, Arraial do Cabo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui