Treinadores de Futebol do Interior do Rio de Janeiro se atualizam no curso da CBF

Thiago Eduardo, ex-Cabofriense, é um dos profissionais que foi diplomado

223

Nesta quarta-feira (8), chegou ao fim o curso da Licença B para treinadores de futebol, da CBF Academy, que foi realizado no CT do Retro, em Recife (PE). O curso foi organizado pela Confederação Brasileira de Futebol. Ao todo os profissionais de todo país ficaram oito dias em atualização. A parte teórica já havia sido realizada em abril e maio.

Foram diversas disciplinas aplicadas, como características do jogo brasileiro, metodologias do treinamento de campo, treinamento de goleiros, entre outros. Um período de muito conteúdo para atualização dos profissionais.

“Foi um curso muito bom, todos os professores com alto conhecimento das matérias e bem solícitos. Já havíamos feito a parte teórica, que levou mais de um mês, e agora a parte prática aqui no CT do Retro, que tem uma estrutura maravilhosa. Pudemos aprender bastante e principalmente nos atualizar, pois entendo que o futebol cada dia que passa está mais estudado, científico, e nós brasileiros precisamos cada vez mais nos atualizamos do que vem sendo praticado no mundo inteiro. Da minha parte essa busca pelo conhecimento não pode parar jamais”, disse Thiago Eduardo, que dirigiu a Cabofriense na Série A2 do Campeonato Carioca.

Participaram do evento diversos treinadores do Rio de Janeiro, entre eles, Thiago Eduardo, ex-Cabofriense, Léo Araújo, auxiliar técnico do Americano, Rogério Xavier, do Duque de Caxias, além de Mateus Barcelos, Vitor Terra, Marcos Aurélio e Léo Xavier.

“Muito bom poder ver aqui no curso diversos treinadores do Rio de Janeiro, mostra que nosso Estado busca também atualização. Foi muito legal podermos também trocar ideias e estreitar laços. Posso dizer que o Rio de Janeiro foi muito bem representado por todos que vieram”, afirmou.

A Licença B garante treinar times até o Sub20 em todo o território nacional. A CBF fez uma parceria com a CONMEBOL para o reconhecimento do curso. No Rio de Janeiro ainda não exige a Licença B, diferentemente de outros Estados, como São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui