InícioBalanço PolicialSuspeitos morrem após confronto com a PM em Arraial do Cabo

Suspeitos morrem após confronto com a PM em Arraial do Cabo

Em Rio das Ostras, segundo acusado de envolvimento em homicídio de gerente de lava-jato é preso; chefe do tráfico autor de dez homicídios é preso pela PM em Macaé

Dois rapazes, de 18 e 19 anos, morreram após um confronto armado com a Polícia Militar no final da noite de quarta-feira (31), no distrito de Monte Alto, em Arraial do Cabo. Eles são suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas.

Conforme a ocorrência, a PM recebeu uma denúncia dando conta que elementos armados estavam abordando os motoristas no distrito. Os agentes foram até o local e encontraram quatro homens.

Ao perceber a presença dos policiais, os suspeitos deram início a uma troca de tiros, onde dois deles acabaram sendo baleados. Eles estavam com armas, mochila com drogas e rádio transmissores.

Os criminosos chegar a ser socorridos para o Hospital Geral de Arraial do Cabo, mas não resistiram aos ferimentos e foram a óbito. A outra dupla conseguiu fugir.

Foram apreendidos, durante a ocorrência, 226 cápsulas de cocaína, 170 trouxinhas de maconha, 82 munições e dois aparelhos celulares. A ocorrência foi registrada na 132 DP.

Segundo acusado de envolvimento em homicídio de gerente de lava-jato é preso em Rio das Ostras

Policiais civis da 128ª DP de Rio das Ostras prenderam, nesta quarta-feira (31), o segundo acusado de matar Lucas Assis Guimarães, 22 anos, gerente de um lava-jato. Um dos autores foi preso no dia 26, no município de Vila Velha, no Espírito Santo. 

De acordo com os agentes, o acusado admitiu a participação na morte do jovem, mas alegou que todo o delito foi planejado e protagonizado pelo sobrinho. Ainda segundo os policiais, as investigações continuam, pois novas informações indicam a provável participação de uma terceira pessoa no crime. 

O acusado preso responderá por homicídio qualificado. Ele foi encaminhado ao sistema prisional e ficará à disposição da Justiça.

Chefe do tráfico autor de dez homicídios é preso pela PM em Macaé

A Polícia Militar prendeu, na manhã desta quarta-feira (31), um foragido da Justiça apontado com um dos chefes de uma facção criminosa em Macaé. Samuel dos Santos Miranda, o Samuca, possui dez mandados de prisão por diversos homicídios. Ele foi capturado na comunidade Nova Holanda, na companhia de outro suspeito, que não teve a identidade revelada.

Samuca é apontado pela PM como responsável por diversos ataques a antiga facção, que culminaram em mortes recentes nos bairros Parque Aeroporto e São José do Barreto, em Macaé.

A ação que resultou da captura dos envolvidos, foi deflagrada pelo Grupamento de Ações Táticas (GAT), após o recebimento de informações privilegiadas. No local das prisões, militares apreenderam duas pistolas, três carregadores de pistola, 164 munições, cinco rádio transmissores, cinco carregadores de rádio, dois aparelhos celulares e uma balança de precisão.

Samuca já tinha foto divulgada no Portal dos Procurados. Ele e o outro criminoso foram levados para a 123 DP, onde ficaram presos. O material apreendido foi apresentado à Polícia Civil.

Letycia Rocha
Graduada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como produtora/repórter na Lagos TV e Coordenadora de Programação na InterTV - Afiliada da Rede Globo. Colabora no jornal O Dia e Blog Cutback.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content