InícioEstadoRegião dos LagosSão Pedro da Aldeia será a única cidade da Região dos Lagos...

São Pedro da Aldeia será a única cidade da Região dos Lagos sem fogos no Réveillon

Prefeitura aldeense alega preocupação com a nova variante da COVID-19; de Saquarema a Búzios, outras cidades não promoverão shows, mas terão queima de fogos para celebrar a chegada de 2022

O prefeito de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel (PL), anunciou durante live no domingo (19) que o município não vai promover qualquer evento para o Réveillon no fim da próxima semana. Não haverá nem mesmo queima de fogos.

Fábio informou na transmissão que a Prefeitura havia programado alguns eventos, mas acabou cancelando-os por conta da preocupação com a nova variante da COVID-19, a Ômicron.

Nesse sentido, o prefeito ainda ressaltou que ainda não há decisão tomada sobre o Carnaval, mas é bem provável que também seja cancelado.

A decisão de Fábio vai contra a corrente das cidades da área de cobertura do Portal RC24h. Na Região dos Lagos, de Saquarema a Armação dos Búzios, todas as cidades preveem realizar alguma espécie de comemoração para receber 2022.

Nas outras cidades cobertas pelo Portal, Rio das Ostras, Maricá e Macaé também confirmam queima de fogos, porém, sem shows.

Confira abaixo o que haverá nas cidades:

Araruama

A Prefeitura de Araruama não respondeu ao contato feito pela reportagem, mas já anunciou reiteradas vezes que haverá queima de fogos na orla do Centro, às margens da Lagoa de Araruama.

No dia 30 de novembro, a prefeita, Lívia Bello (PP), publicou um decreto que estabelece que não será permitido a montagem de palco para grandes shows na noite de 31 de dezembro.

Além disso, a Prefeitura anunciou que já foi realizada licitação para contratação de empresa especializada com 100 profissionais para dar apoio à Guarda Civil Municipal neste dia, quanto a exigência da máscara de proteção, e também, após a queima de fogos, dispersar a população para suas casas e assim, conter aglomerações.

A queima de fogos será transmitida ao vivo pela página oficial do Facebook da Prefeitura.

Arraial do Cabo

O prefeito de Arraial do Cabo, Marcelo Magno (PL), anunciou, na quarta-feira passada (15), que o Réveillon no município terá queima de fogos, mas sem shows musicais.

Os fogos para celebrar a chegada de 2022 serão em três pontos diferentes: Praia Grande, Monte Alto e Figueira.

Na Praia Grande, os artefatos para o show pirotécnico serão posicionados no Morro do Vigia, e a duração torno será em torno de 13 minutos. Em Monte Alto e Figueira, o foguetório será às margens da Laguna de Araruama, com duração de cerca de 10 minutos.

Por motivo de segurança, nos distritos os fogos ficarão em uma área isolada.

O Secretário de Turismo, Marco Simas, destacou que a empresa responsável pela queima de fogos tem 17 anos de experiência na região e seguirá todos os protocolos exigidos pelos órgãos responsáveis.

Armação dos Búzios

A Prefeitura de Armação dos Búzios confirmou que vai realizar apenas queima de fogos. Outros eventos na península serão programação privada. O show pirotécnico buziano será realizado em quatro pontos da cidade: Manguinhos, Centro, Geribá e Rasa.

Cabo Frio

Após afirmar que não haveria realização de qualquer festejo de ano novo por questões financeiras e da Pandemia, o prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), anunciou, durante entrevista ao Portal RC24h, que haverá a tradicional queima de fogos na Praia do Forte.

Segundo o prefeito, serão 10 minutos de show pirotécnico no principal cartão postal da cidade. O evento será patrocinado pela Excess Produções, que adquiriu os direitos da marca Cabofolia e vai retomar a realização da micareta no ano que vem.

Iguaba Grande

No dia 06 de dezembro, a Prefeitura de Iguaba Grande informou que, após reuniões do grupo técnico formado por servidores das secretarias municipais de Saúde e Turismo, Esporte e Lazer, as festividades oficiais do Réveillon 2021/2022 foram canceladas.

A decisão foi tomada seguindo as recomendações de especialistas com base na decisão do comitê científico do Estado.

O prefeito, Vantoil Martins (CID), disse que não tinha como realizar o evento “sem a garantia de segurança de todos”.

Contudo, está confirmado show pirotécnico com fogos de baixo estampido na Ilha de Santa Rita, nos mesmos moldes do Réveillon de 2019/2020.

Macaé

Em nota enviada ao Portal RC24h nesta terça-feira (21), a Prefeitura de Macaé informou que o governo não irá realizar eventos públicos no Réveillon.

Será mantida apenas a programação da queima de fogos e sem autorização para a montagem de tendas nas areias das praias.

“A medida visa garantir ao município o atual cenário de queda do registro de novos casos de infecção por Coronavírus, além de promover também o controle sobre os casos de síndrome gripal”, informou a nota.

O município, contudo, não pontuou em que locais será realizada a queima de fogos.

Maricá

Em Maricá haverá queima de fogos em oito pontos da cidade que serão divulgados ainda nesta semana. A atração começará a partir do primeiro minuto do novo ano. Em razão da chegada da nova variante Ômicron ao país, não haverá apresentações artísticas na virada de ano.

A Prefeitura ressalta ainda que é obrigatório o uso de máscaras na cidade, tanto em locais públicos, quanto em ambientes privados, e recomenda que as pessoas mantenham a higienização das mãos e o distanciamento social.

Rio das Ostras

A Prefeitura de Rio das Ostras confirmou queima de fogos, sem programação de shows. O espetáculo pirotécnico será realizado em Costazul e no Centro.

Saquarema

A Prefeitura de Saquarema anunciou que o município terá queima de fogos para marcar a chegada do ano de 2022 em quatro pontos diferentes da cidade: Praia da Vila, Jaconé, Vilatur e Sampaio Corrêa.

Na Praia da Vila, os artefatos para o show pirotécnico serão posicionados no morro da Igreja de Nossa Senhora de Nazareth e a duração será em torno de 13 minutos. Já em Jaconé, a passagem de ano será marcada com a queima dos fogos na nova orla, na altura da Rua 96. No distrito de Sampaio, os fogos ocorrerão no Morro da Antena e, em Vilatur, na orla do bairro.

Assim como nos anos anteriores, o município utilizará fogos de baixo ruído, para evitar a poluição sonora e danos aos que são sensíveis ao barulho, como animais, crianças e idosos.

Luiz Felipe Rodrigues
Estudante de Jornalismo pela Universidade Veiga de Almeida. Atuou como estagiário do G1 na InterTV, afiliada da Rede Globo. Desde junho de 2020, escreve para o Portal RC24h.
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content