Após quarentena no Peru, atletas de Araruama retornam ao Brasil nesta sexta (20)

Ministério de Relações Exteriores informou que voos especiais irão buscar a seleção brasileira de Muay Thai, que também conta com lutadores de Casimiro de Abreu e Petrópolis


Com o fechamento das fronteiras de alguns países para conter a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Federação Brasileira de Muay Thai, que é composta por quatro atletas de Araruama, um de Casimiro de Abreu e um de Petrópolis, está presa em Lima, no Peru. A equipe ficou em quarentena no Peru após o cancelamento do Pan-Americano de Muay Thai, que seria disputado entre os dias 16 e 22 de março.

Nesta quinta-feira (19), o Ministério de Relações Exteriores informou que conseguiu, junto ao governo peruano e companhias aéreas, a realização de voos especiais para Lima, nesta sexta-feira (20). Os atletas estão no Peru desde o dia 12 deste mês.

Dois dias depois de chegarem ao país, receberam a informação de que o evento tinha sido cancelado e, no dia seguinte, todos os aeroportos e fronteiras foram fechados.

Eles relataram que o preço dos alimentos por lá aumentou, mas que não estavam faltando alimentos nos supermercados e que não estão passando por nenhum tipo de dificuldade além de não poder voltar para casa.

A equipe é composta por cinco atletas e um técnico. Quatro pessoas de Araruama: Leila Maria, Shaylana Cecília, João Pedro e o técnico Álvaro Gama. Os outros integrantes são Isaque Ramos, de Casimiro de Abreu; e Douglas Magno, de Petrópolis.

O Ministério de Relações exteriores informou que, por meio das Embaixadas e Consulados no exterior, estão trabalhando com total prioridade para viabilizar, em coordenação com outros governos e, quando necessário com as companhias aéreas, o retorno ao Brasil dos viajantes brasileiros que enfrentam dificuldades em países estrangeiros por restrições ligadas ao coronavírus.

Sobre o caso específico do Peru, o Governo informou que o Ministério de Relações Exteriores, Ministério do Turismo e da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) junto ao governo peruano e companhias aéreas, vão realizar voos especiais a Lima, nesta sexta-feira, para que brasileiros que se encontram retidos no Peru em decorrência do surto de coronavírus, possam voltar para suas casas.

 

DELEGAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE MUAY THAI EM LIMA:

- Álvaro Ferdinando Pinho Gama, 43 anos, treinador

- João Pedro Cardoso da Silva, 17 anos

- Shaylana Cecília Carvalho da Silva, 16 anos

- Leila Maria Cardoso da Silva, 20 anos

- Isaque Higor da Silva Ramos, 22 anos

- Douglas Magno Gonçalves Vieira, 27 anos

 

*Com base em informações do G1

Categorias: Araruama Esporte

Fotos da notícia




Outras notícias