InícioCulturaMuseu Regional do Sal em São Pedro da Aldeia recebe estudantes da...

Museu Regional do Sal em São Pedro da Aldeia recebe estudantes da Universidade de Nova Iorque 

A iniciativa é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Turismo e a City University of New York

O Museu Regional do Sal Manoel Maria de Mattos, em São Pedro da Aldeia, mostrou, mais uma vez, o seu valor turístico, cultural e educacional. O espaço recebeu a visita de 12 estudantes da Universidade da Cidade de Nova Iorque, que estão em período de intercâmbio no Brasil e buscam aprender mais sobre a cultura salineira e também sobre a Língua Portuguesa. A iniciativa é fruto de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Turismo e a City University of New York, por meio do The City College of New York.

Durante a visita, foram passadas informações históricas referentes a temas como a história do sal e a sua relação com a escravidão no Brasil. A visita também serviu para consolidar, ainda mais, o Museu do Sal como um espaço educativo, de fomento ao saber e de intercâmbio acadêmico. 

O diretor do Museu Regional do Sal, Alexandre M. Azevedo, ressaltou o potencial turístico e educativo do espaço. “Ficamos muito felizes com o interesse deles pelo Museu e também pela nossa história e cultura. A nossa hospitalidade trará outros visitantes americanos, através da boa impressão que eles tiveram. E já sabemos que alguns deles já planejam retornar e aqui ficar”, disse. 

Ao fim da visita, os estudantes fizeram perguntas, adquiriram o tradicional artesanato aldeense e compraram um dos quadros da exposição “A Região do Sal e Suas Belezas Locais”, que apresenta obras de alunos do Atelier Di Angelo e está em cartaz no Museu.

A professora da Universidade da Cidade de Nova Iorque, Regina McGowan, falou sobre a escolha do município para o intercâmbio. “A minha ideia de trazer um grupo de alunos da minha instituição de ensino para fazer um intercâmbio no Brasil começou em 2019, antes da pandemia. Por meio do contato direto com a Secretaria Municipal de Turismo, acertamos os detalhes de sala de aula, hospedagem, transporte, um cronograma de visitas guiadas e uma possível lista de palestrantes que pudessem ir às aulas conversar com os alunos sobre a história, a cultura, o turismo, as artes e o meio ambiente de São Pedro da Aldeia. Os alunos saíram da cidade falando português e muitíssimo mais enriquecidos culturalmente. Estou animada e já trabalhando para levar novos grupos de alunos da CUNY à cidade”, finalizou. 

A turismóloga municipal, Kátia Santos, acompanhou os alunos no tour pelo Centro Histórico da cidade e também por um dos principais pontos turísticos de São Pedro da Aldeia: a Trilha dos Cardeiros, ao fim da Praia do Sudoeste. Os alunos também visitaram a Feira Livre Municipal, a casa de capoeira Ventos do Kilombo e fizeram um passeio de barco pela Laguna de Araruama com pescadores aldeenses. 

“Foi um enorme prazer receber e acompanhar diariamente o primeiro grupo de alunos da The City College of New York durante o mês de janeiro em nossa cidade. Todos estavam muito curiosos e receptivos. Se surpreenderam e se encantaram com nossa cultura, história e belezas. Estamos mantendo contato e eles já atuam como embaixadores informais de São Pedro da Aldeia,  divulgando para os demais colegas da faculdade a possibilidade de ingressarem na próxima turma”, comentou Kátia.

- Advertisement -
VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Mais Lidas

- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img
Pular para o conteúdo