Líder de quadrilha de MG que assaltou joalheria em Araruama usou nome falso na delegacia

Criminoso era procurado por dois homicídios e tem ficha criminal extensa

1292

O líder de uma quadrilha de criminosos de Minas Gerais, que foi preso na última quarta-feira (20) após assaltar uma joalheria em Araruama, usou nome falso ao ser apresentado na 124ª Delegacia de Polícia (124ª DP).

A princípio, o homem foi identificado como André Luiz de Souza, mas, na verdade, é Claudioney Rogério Jeronimo. Ele foi autuado em flagrante pelo roubo da joalheria e, novamente, por falsidade ideológica.

Conforme os agentes, contra Claudioney havia dois mandados de prisão em aberto, sendo um por homicídio e outro por ser mandante de homicídio. Ele também é suspeito de cometer diversos outros crimes e já possui passagens policiais por tráfico, associação ao tráfico, roubo, falsidade ideológica, homicídio, formação de quadrilha, corrupção de menores, receptação, porte ilegal de arma fogo, furto, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui