InícioSaúdeCovid-19Governo do Rio distribui mais de 700 mil vacinas contra a Covid

Governo do Rio distribui mais de 700 mil vacinas contra a Covid

Entrega acontece neste sábado (14). São 308.880 doses da Pfizer (D1); 183.750 da Coronavac (D1 e D2) e 233 mil de AstraZeneca (D2)

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) realiza, neste sábado (14), a entrega de 725.630 doses de vacinas contra a Covid-19 aos 92 municípios fluminenses. Serão distribuídas 308.880 doses da Pfizer para primeira aplicação; 183.750 doses de Coronavac para primeira e segunda etapa do esquema vacinal; e 233 mil doses de Oxford/AstraZeneca para segunda aplicação.

O município do Rio de Janeiro fez a retirada de seu lote na Coordenação Geral de Armazenagem (CGA) da SES, em Niterói, nesta sexta (13). Neste sábado, as cidades das regiões Norte, Noroeste e Costa Verde receberão as remessas por meio de duas aeronaves, uma da Polícia Militar e a outra da SES. Os helicópteros vão decolar às 9h30 do Grupamento Aeromóvel da PM, também em Niterói. As demais entregas serão feitas por caminhões e vans, com escolta da PM.

“A SES adotou uma logística ágil e eficiente para a distribuição dos imunizantes desde o início da campanha de vacinação. Isso contribui muito para que os municípios consigam organizar suas estratégias de campanha. Desde o fim de semana passado, por exemplo, distribuímos mais de um milhão e meio de doses, que foram chegando ao estado ao longo dos dias”, disse o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

O estado do Rio de Janeiro ultrapassou a marca de 12 milhões de doses aplicadas contra a Covid-19 nesta semana. Até o momento, 66% da população adulta do estado já recebeu a primeira dose contra o coronavírus e pouco mais de 29% receberam a segunda dose ou a dose única.

A Subsecretaria de Vigilância e Atenção Primária à Saúde (SVAPS) vem reforçando rotineiramente com as secretarias municipais de Saúde a importância de responsáveis técnicos e gestores municipais organizarem suas ações de vacinação, respeitando a destinação das doses para a primeira ou segunda aplicação do esquema vacinal. A SVAPS ressalta que a distribuição do imunizante é feita de forma proporcional e igualitária a todos os municípios.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content