Termo de Compromisso que marca o início da construção dos Laboratórios de Iniciação Científica Intramuros é assinado

O projeto é uma parceria entre a Faetec e a Secti, e vai beneficiar 92 municípios

343

Foi assinado nesta terça-feira (21) o Termo de Compromisso para o início da construção de mais de 200 Laboratórios de Iniciação Científica Intramuros, que beneficiarão 92 municípios. O projeto é resultado de uma parceria institucional e pedagógica entre a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) e a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

Através da iniciativa, alunos do ensino fundamental terão a oportunidade de colocar em prática conhecimentos de tecnologia adquiridos nas aulas. Um dos objetivos é aumentar a qualidade do ensino fundamental, promovendo atividades ligadas à ciência, tecnologia e inovação.

Para compor a mesa solene, foram chamados o deputado estadual Dr. Serginho; o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, João Carrilho; o presidente da Faetec, Iranildo Campos; o presidente da Cecierj, Rogério Pires; o subsecretário de Ensino Superior, Pesquisa e Inovação, Edgard Leite; e o subsecretário de Programas e Captação de Recursos para Ciência, Tecnologia e Inovação, Sérgio Costemplate.

O presidente da Faetec, Iranildo Campos, fez questão de agradecer aos prefeitos presentes, pelo interesse em ter em suas cidades os Laboratórios Intramuros, levando educação de qualidade para toda a população do estado.

“Nesse encontro, hoje, a gente observa que várias prefeituras estão precisando desse apoio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação e do Governo do Estado. É muito importante a vinda de vocês aqui. Mostra o interesse que vocês têm de levar para sua cidade ciência, tecnologia e recursos que venham beneficiar a população de vocês. Quero parabenizar cada um de vocês que se deslocaram de suas cidades para vir aqui”, declarou Iranildo Campos, que ainda agradeceu ao Dr. Serginho pela idealização do projeto enquanto era secretário da pasta.

O secretário João Carrilho iniciou sua fala explicando como o projeto Intramuros será transformador para todo o estado.

“Nós estamos levando 200 Laboratórios de Iniciação Científica para os 92 municípios do estado. Não será simplesmente um prédio construído. Através desse projeto, nós estaremos em cada município do estado com os nossos laboratórios e dando todo o suporte para que cada criança tenha o primeiro contato com a ciência, seu primeiro contato com tecnologia”, esclareceu João Carrilho.

Para a construção dos Laboratórios de Iniciação Científica Intramuros, serão utilizados espaços de escolas municipais já existentes, pertencentes àqueles municípios que desejem receber o projeto. Na ocasião, estiveram presentes prefeitos ou representantes de 30 municípios que irão receber o projeto, para que pudessem assinar o Termo de Compromisso.

Os Laboratórios serão padronizados e cada um deles é planejado para beneficiar 35 crianças de 8 a 12 anos. O projeto conta com investimento de mais de 50 milhões de reais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui