BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA SEXTA-FEIRA (11)

Fábio do Pastel reinaugura tradicional escola e é só elogios; Parlamento aldeense expõe irregularidades em transporte escolar; O que aconteceu com Dom de Búzios? Concursados de 2020 pedem explicações à prefeitura cabo-friense; Ex-secretário esclarece rumores em Cabo Frio; Cláudio Castro deve vir semana que vem à Região dos Lagos; A volta da assistência na câmara iguabense; Mais um (triste) capítulo das escolas de Araruama... E muito mais!

1394

ESCOLA DA VIDA

A coluna Boca Miúda desta sexta-feira (11) começa por São Pedro da Aldeia, onde a tarde foi de festa no bairro Balneário, local da reinauguração da Escola Municipalizada Manoel Martins Teixeira, que inclusive é quase centenária, completou 97 anos. E teve bolo gigante e banda de música também, além, claro, de inúmeras autoridades que foram prestigiar o prefeito Fábio do Pastel (PL). A escola, que inclusive foi assaltada ano passado, recebeu um tratamento “de respeito”, ficou muito bacana e certamente vai encher os olhos dos alunos. Entre as novidades, a unidade, super tradicional na cidade, recebeu um belo mural, retratando a imagem de Manoel Martins. “Vamos colocar ar condicionado nessa escola também, já pedimos à Enel pra dar uma força na luz (…) Uma escola se torna a nossa casa, marca muito a nossa vida. Eu quis que fosse preparado o melhor para as crianças, com muito carinho porque essa é a segunda casa delas”, destacou Pastel. Veja:

________________

MUITOS ELOGIOS E AUSÊNCIAS NOTADAS

Os elogios também deram a tônica desta tarde no evento, não houve quem não elogiasse o que se tornou a unidade escolar. O presidente da Câmara Municipal, vereador Denilson (SDD), em seu discurso, mandou essa: “Nem parece uma escola, parece uma pousada”. Mas na cerimônia foram notadas algumas ausências, como a do trio de oposição, os vereadores Isaías do Escolar (PROS), Fernando Mistura (REP) e Chiquinho de Dona Chica (PP).

QUE DESELEGANTE

O deputado Gutemberg Reis (MDB) também esteve na reinauguração Escola Municipalizada Manoel Martins Teixeira, ocasião em que ele entregou emenda de R$ 2 milhões ao município. Bacana por parte do parlamentar, mas vale ressaltar uma postura deselegante que foi reparada por boa parte dos presentes. Gutemberg passou o tempo inteiro que esteve presente na cerimônia, mexendo no celular. Não deixou de olhar o aparelho nem no momento do discurso do prefeito Fábio do Pastel. Que deselegância, hein deputado? Certamente o senhor não iria gostar que alguém fizesse isso durante um discurso seu, embora quando o senhor discursou todos prestaram atenção e o prestigiaram, como deve ser feito. Fica a dica.

PARLAMENTO ALDEENSE

Durante a sessão da Câmara de São Pedro da Aldeia desta quinta-feira (10), o vereador Isaías do Escolar (PROS) subiu à tribuna para expor irregularidades no transporte escolar municipal. A pauta de sessão contou, ainda, com a aprovação de três Projetos de Lei e um Projeto de Resolução. O primeiro PL, de autoria do vereador Isaías do Escolar, defende a isenção de taxas de inscrição a doadores de medula óssea em concursos públicos realizados por órgãos do Poder Público de São Pedro. O segundo projeto dispõe sobre o patrocínio e o apoio de pessoas físicas e jurídicas de direito privado a eventos e ações do município. E o terceiro autoriza a criação do ballet municipal de São Pedro da Aldeia. Estes dois últimos projetos são de autoria do chefe do Poder Executivo, Fábio do Pastel (PL). A próxima sessão da Câmara Municipal de São Pedro da Aldeia será na próxima terça-feira (15) às 11h.

DO ATEU AO CRISTÃO, NINGUÉM EXPLICA DOM

Sabe quando alguém rola a bola para você na final do campeonato e você, em vez de chutar para o gol, se joga no chão? É assim que alguns colegas da imprensa e a classe política de Búzios analisou a ausência do secretário de Turismo da cidade, Dom de Búzios, na divulgação do calendário de eventos do município nesta quinta-feira (10). É que a secretaria de Turismo é a principal interessada ali, né? Junto com Esporte e Lazer e Cultura e Patrimônio Histórico. Afinal, em uma cidade como Búzios, o Turismo não é nada mais, nada menos que o coração da administração pública. Ninguém ali conseguiu entender a ausência do secretário. Acabou que o destaque ficou mesmo para as falas do prefeito, Alexandre Martins (REP), do vice e secretário de Obras, Saneamento e Drenagem, Miguel Pereira (PL), que é um político experiente que, sempre que fala, consegue reunir as atenções de todos ao redor, e do secretário de Cultura e Patrimônio Histórico, Luiz Romano. A falta de Dom em um evento que foi planejado com antecedência e teve vários ensaios e revisões ao longo dos últimos meses e um vídeo publicado com ele com frases desconexas no mesmo dia podem ser evidências de que talvez ele não tenha Dom à altura do cargo.

AGORA, SEM A FACA E SEM O QUEIJO

A coluna procurou Dom de Búzios – que soltou um vídeo na rede social – para saber o real motivo dele ter surpreendido tanta gente, negativamente, ao não comparecer ao evento mais importante da gestão atual. E mais, um evento que tem 100% a ver com setor que ele comanda, o Turismo, e que marca a retomada da economia e do entretenimento do balneário, após a pandemia. Ou seja, Dom estava com a faca e o queijo nas mãos para desfrutar do evento, no sentido de estreitar laços não só com a imprensa, mas com outras autoridades. Além, claro, da grande visibilidade, afinal de contas ele (ainda) está no comando de uma das pastas mais importantes de uma cidade que é destino de turistas do Brasil e do mundo. “Eu lamento e sigo trabalhando, mas reitero que meu cargo está à disposição do prefeito”, contou ele. A propósito, no fim do evento, após o mal-estar, Alexandre Martins saiu caminhando ao lado do secretário de Cultura e Patrimônio Histórico, Luiz Romano, naquele bate-papo informal, deu um um tapinha no ombro dele, dizendo “acho que você vai ter que acumular mais uma pasta”, disse o prefeito, ao que Romano respondeu: “sou um soldado”.

CALÇAMENTO E PAVIMENTAÇÃO

Continuando em Búzios, ontem, antes de coroar a quinta-feira (10) com o lançamento oficial do calendário de eventos, o prefeito Alexandre Martins (REP), na companhia do Subsecretário de Educação, Ciência e Tecologia, Maycon Siqueira, fez vistoria das obras de calçamento, pavimentação e drenagem do bairro do Arpoador. Fez a vistoria e correu pra Rasa, onde faz atendimento à população na subprefeitura. O cara não para.

CADÊ A HOMOLOGAÇÃO DO CONCURSO?

Em Cabo Frio, continua grande a expectativa pela homologação do concurso público realizado no ano passado. Os servidores aprovados estão esperando os trâmites para que possam, enfim, ser convocados para exercer as funções que são suas de direito. Em nota, a Prefeitura de Cabo Frio informou que a Procuradoria-Geral está elaborando, em conjunto com as secretarias de Administração e de Fazenda, o estudo de impacto financeiro das próximas convocações, de acordo com as diretrizes da Lei de Responsabilidade Fiscal. O objetivo é estabelecer o planejamento para a homologação e as convocações dos aprovados no concurso de 2020, levando em consideração o equilíbrio financeiro da Prefeitura. “Todas as etapas previstas para a homologação estavam previamente estabelecidas e seguem a legislação em vigor”, disse o município. A novela de não chamar concursados em Cabo Frio é um tanto quanto traumática. Vale lembrar que teve gente do concurso de 2009 que só foi chamado nos últimos meses. O medo fica, né?

DEBATE DO AMÉRICO VESPÚCIO

A Comissão de Educação da Câmara Municipal de Cabo Frio realizou, nesta sexta-feira (11), um debate sobre Escola Municipal Américo Vespúcio. Por mais de três horas, foram elencados pontos como a diminuição gradativa da quantidade de alunos matriculados desde 2012. A reunião foi iniciada pelo presidente da Comissão, o vereador Rodolfo Machado (SD), que passou a palavra para secretária de Educação, Elicéa da Silveira. De acordo com a secretária, atualmente, 284 alunos estão matriculados no Américo Vespúcio, o que representa 24% da capacidade da escola. Ela reforçou ainda que desde que assumiu a gestão da pasta, vem buscando junto à equipe técnica quais soluções poderiam adotar para manter as atividades na unidade. Após a explanação, os vereadores se posicionaram contra o fechamento da escola, propondo soluções para o aumento do número de matrículas e fizeram questionamentos à secretaria de Educação. Participaram da reunião o presidente da Câmara, Miguel Alencar (DEM), os vereadores Alexandre da Colônia (DEM), Douglas Felizardo (AVANTE), Léo Mendes (DC), Felipe Fernandes (PDT), Jean da Autoescola (PL), Josias da Swell (PL), Roberto Jesus (MDB), Thiago Vasconcelos (AVANTE), a diretora da unidade escolar, Marcia Pinho, o diretor do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação – Núcleo Lagos (Sepe Lagos), Augusto Rosa, e a representante da comunidade escolar, professora Elisângela, servidora da escola há 19 anos. Um próximo debate será agendado. A íntegra da reunião está disponível no Facebook e Youtube da Câmara.

ESCLARECEU RUMORES

Após sair da secretaria de Turismo de Cabo Frio, o empresário Carlos Cunha se posicionou sobre o rumor de que a cidade não teria entregado a documentação necessária para se manter na “Categoria A” do turismo brasileiro. “Esclareço que toda a documentação solicitada foi apresentada dentro do prazo, ainda na minha gestão. O planejamento efetuado e apresentado no Fórum de Turismo que realizamos (em 27/09/21), foi estreitamente seguido e está disponível para todos na secretaria de Turismo, Esporte e Lazer. Trabalhamos com responsabilidade, planejamento e profissionalismo”, disse Cunha. O empresário afirmou que o prazo final para entrega da documentação é dia 14/03/22, logo, Cabo Frio ainda está no prazo. “Reitero que, enquanto gestor da pasta do turismo, deixei toda a documentação pronta e assinada para dar prosseguimento ao cadastro”, finalizou Carlos. Será que a secretária nova dará sequência?

MAIS UM PRÉ-CANDIDATO A FEDERAL?

Deu na coluna da Berenice Seara, do Extra, nesta quinta-feira (10), que o secretário estadual de obras, Max Lemos (PSDB) é um dos nomes cotados à vice de Cláudio Castro (PL). Se isso acontecer, já há especulações em Cabo Frio de que Vanderlei Bento seja mais um candidato a deputado federal a disputar voto na Região dos Lagos. Quem conhece sabe, Vanderlei é pupilo de Max, que tem a família Bento como principal cabos eleitorais na Região dos Lagos.

CASTRO NA REGIÃO DOS LAGOS

Falando em Cláudio Castro (PL), é bem provável que o governador do estado venha à Região dos Lagos na próxima semana, quando deverá participar de duas inaugurações. Uma é o Mirante da Prainha, em Arraial do Cabo, a outra é a Casa do Trabalhador, em Cabo Frio.

VISTAS NO ANIVERSÁRIO

Ainda estamos em março, mas a cabeça da Prefeitura de Arraial do Cabo já está em maio, mês em que município completa 37 anos de emancipação político-administrativa. A comemoração do aniversário de Arraial será no dia 13, bem no meio do Campeonato Brasileiro de Vela, que será realizado no município entre 11 e 15 de maio. O diretor de Eventos de Arraial, Max Magalhães publicou, nas redes sociais, um pequeno spoiler de como será a estrutura do evento que, desta vez, vai ser na Praia dos Anjos. Segundo Max, “com todo respeito às gestões anteriores, será o maior aniversário da história de Arraial do Cabo”. As atrações já estão sendo negociados pela Prefeitura, lógico, levando em consideração todos os cenários epidemiológicos da pandemia de Covid-19. O diretor de Eventos não adiantou nenhuma atração, mas se disse bem animado. À coluna, Max disse apenas que será um evento muito bem organizado e bem estruturado. O calendário de eventos do município será divulgado nos próximos dias. Quem será que vai tocar nas areias do Cabo, hein?

VOLTA DA ASSISTÊNCIA

Em Iguaba Grande, a quinta-feira (10) foi o primeiro dia de sessão da Câmara aberta ao público depois de muito tempo, por causa da pandemia. Na sessão, destaque para algumas indicações e reclamações também, em defesa da lagoa de Araruama. Mas a expectativa, mesmo, ainda é pela do PL do Executivo de reforma administrativa, que até o momento não deu entrada na Casa.

NÃO É NOTÍCIA VELHA

Lembra que a gente falou por aqui sobre uma merenda que estaria sendo servida na Escola Municipal Toninho Senra, em Araruama, que foi alvo da crítica de pais? Pois é, não é a única queixa que tem sido feita nas redes sociais em relação à escola, viu? Servidores publicaram nas redes sociais que falta auxiliares de disciplina e de serviços gerais, além de merendeiras na unidade. Inclusive, há quem diga que a situação ocorre em outras escolas do município. A coluna procurou a Prefeitura para se posicionar, mas não tivemos resposta até o fechamento deste texto. Aí depois vereador vai na Câmara falar que só fazer parede bonita e bem pintada não adianta e a Prefeitura e base do governo acham ruim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui