InícioDestaquePrefeitura de Rio das Ostras reforma Píer de Costazul em parceria com...

Prefeitura de Rio das Ostras reforma Píer de Costazul em parceria com iniciativa privada

Píer do Emissário é um dos principais pontos turísticos da cidade e revitalização já está sendo finalizada

Uma parceria público-privada está finalizando a revitalização do Píer do Emissário de Costazul, um dos principais pontos turísticos de Rio das Ostras.

Segundo informe da Prefeitura nesta sexta-feira (2), a estrutura ganhou novas peças, recuperação e pintura dos guarda-corpos, além de reparo em toda extensão do piso.

A iniciativa da Prefeitura conta com a colaboração da empresa Usinando Indústria e Comércio de Peças e Ferramentas Ltda, que está se instalando no Distrito Industrial Municipal Zona Especial de Negócios (ZEN) de Rio das Ostras.

A Usinando é uma empresa voltada para o fornecimento de serviços técnicos especializados nas áreas de caldeiraria, tubulação e usinagem de precisão, e foi convidada pela Administração Municipal para fazer uma avaliação dos guarda-corpos do Píer.

A ideia inicial era fazer a doação das tintas para a pintura do material, mas diante do estado de deterioração de algumas peças, os técnicos resolveram fabricar novas e substituí-las.

“Quando visitamos o píer do emissário, entendemos que ali não é somente uma obra de infraestrutura de saneamento, mas também um local de grande visitação de moradores e turistas. Quando se trabalha com projetos de construção, não dá para fazer algo mais ou menos, até porque estamos falando de segurança das centenas de pessoas que visitam o local diariamente”, explica Fernando Vieira do Nascimento, proprietário da Usinando Caldeiraria e Usinagem.

Além da substituição das peças, a empresa também forneceu a tinta para a pintura de todas as estruturas do guarda-corpos.

“Esse é o nosso trabalho, e achamos que poderia ser a nossa contribuição à Rio das Ostras. Ficamos muito felizes em poder contribuir. Se todos contribuíssem um pouco, com aquilo que podem, estaríamos vivendo em um mundo onde todos nós estaríamos reclamando menos, daquilo que poderia e deveria ter sido feito”, finalizou Fernando.

VEJA TAMBÉM
- Advertisement -
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img
- Advertisment -spot_img

Mais Lidas

Skip to content