A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: fopen(/home/rc24h/public_html/tmp/rc24h_session5c969eb05d2486ff156d84cc9753cfab4ca7c7da): failed to open stream: No space left on device

Filename: drivers/Session_files_driver.php

Line Number: 172

Backtrace:

File: /home/rc24h/public_html/application/controllers/Noticia.php
Line: 8
Function: __construct

File: /home/rc24h/public_html/index.php
Line: 315
Function: require_once

A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: session_start(): Failed to read session data: user (path: /home/rc24h/public_html/tmp)

Filename: Session/Session.php

Line Number: 143

Backtrace:

File: /home/rc24h/public_html/application/controllers/Noticia.php
Line: 8
Function: __construct

File: /home/rc24h/public_html/index.php
Line: 315
Function: require_once

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA (26) | RC24H | O Portal de Notícias da Região dos Lagos

BOCA MIÚDA: OS BASTIDORES DA POLÍTICA NA REGIÃO DOS LAGOS NESTA TERÇA-FEIRA (26)

A reunião de Lívia com governador interino; Brunão no governo de Pastel?; José Bonifácio vai a Brasília para encontrar Pazuello; planejamento para volta às aulas em Búzios; encontro da segurança em Iguaba; a polêmica das tendas na Marina dos Pescadores cabista; Fabiano Horta em reunião de consórcio; governo do Estado com internet cortada; Governo Federal gastando R$ 15 milhões em leite condensado; e muito mais...


LÍVIA COM GOVERNADOR

A prefeita de Araruama, Lívia Belo (PP), finalmente saiu da toca. A chefe do Executivo municipal esteve, nesta terça-feira (26), em uma reunião com o governador em exercício, Cláudio Castro (PSC), organizada pelos deputados federais Christino Áureo (PP) e Dr. Luizinho (PP), com os onze prefeitos reeleitos e eleitos pelo PP no estado. Durante fala na reunião, Lívia citou a necessidade que a cidade tem de firmar parceria com a secretária Estadual de Meio Ambiente e com o Inea, para executar o projeto da construção da orla Oscar Niemeyer, que deve atingir 11,6 km de extensão, se tornando a segunda maior orla urbanizada do Rio. A prefeita também pediu por melhorias em estradas estaduais, citando a morte de funcionários públicos em acidentes nas rodovias, que geraram comoção no município. Recursos para a Saúde também estiveram entre os pedidos feitos pela prefeita de Araruama. O povo (e a imprensa) gosta assim: prefeita proativa que representa a cidade e interage com as autoridades estaduais e federais.

 

 

 

 

BOATARIA NA ALDEIA

Correu solta na praça do Canhão, em São Pedro da Aldeia, a informação de que o ex-presidente da Câmara aldeense, Bruno Costa (SDD), seria chamado para fazer parte do governo de Fábio do Pastel (PODE). Os rumores davam conta de que Brunão, que foi candidato a prefeito na última eleição, seria secretário de Transporte. O Portal RC24h entrou em contato com prefeito pelo WhatsApp, que foi curto e grosso na resposta: “NUNCA!!!” (em caixa alta mesmo). Quando questionado se era para tratar o assunto como fake news, Fábio disse que sim. E ponto final. É, minha gente, pelo visto, não vai ter Brunão compondo a equipe de governo. Tudo boato. Depois do muambacam – aquele escândalo em que o carro oficial da Câmara de São Pedro foi apreendido cheio de muamba na estrada com uma mulher que afirmava ser namorada de Bruno -, realmente seria uma atitude estilo “tiro no pé”. Fábio pode até ser inexperiente no meio político, mas burro já mostrou que não é.

 

 

 

 

 

 

ENCONTRO COM MINISTRO

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), estará em Brasília, nesta quarta-feira (27), para uma audiência com o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. O embarque do prefeito aconteceu na noite desta terça (26), para que ele amanheça na capital federal, já que a reunião acontece 11h. Zé vai acompanhado do secretário municipal de Saúde, Felipe Fernandes. Na pauta estão: apoio para a reabertura do Hospital de Tamoios e Hospital da Criança, construção de cinco Unidades Básicas de Saúde e o credenciamento do Centro de Reabilitação. Note bem caro leitor, que o prefeito “dito esquerdista” foi o primeiro da Região dos Lagos a ser recebido por um ministro de Estado do governo de Bolsonaro. Importante salientar que havia na campanha eleitoral a falácia de que, caso Zé vencesse a eleição, não teria acesso ao governo Federal. E não é que Zé deu um jeito de ser recebido. Segundo prefeito mesmo revelou pelo telefone enquanto aguardava o voo no aeroporto Santos Dumond, houve uma intervenção especial feita pelo deputado federal Chiquinho Brazão: “Chiquinho que é muito ligado a Jefferson Vidal (Comsercaf) e tem casa em nos distritos de Arraial. Ele me convidou para um churrasco no fim de semana, e na oportunidade, me informou que havia pedido essa agenda com ministro. E no domingo mesmo ele me confirmou”, explicou prefeito. Portanto, amanhã traremos novidades sobre a pauta.

 

 

 

 

 

DECRETO DA REFORMA

A sessão da Câmara de Cabo Frio desta terça-feira foi desgastante. Não só pelo tempo de duração (três horas), mas também pelas pautas. A mais importante era o decreto do legislativo proposto pelos vereadores Vinicius Corrêa (PP), Rodolfo Machado (SD), Carol Midori (DC), Adeir Novaes (REP), Léo Mendes (DC) e Alexandra Codeço (REP), um blocão da oposição, que tentou emplacar a votação do decreto do legislativo que derruba a reforma administrativa feita pelo prefeito José Bonifácio (PDT), mas o pedido de urgência foi derrotado, com isso, o decreto legislativo segue tramitação normal a Casa, indo para Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e volta em 15 dias. O vereador líder do governo, Davi Souza (PDT) anunciou na tribuna que o prefeito está disposto a encaminhar na próxima sessão, terça-feira (2), projeto de lei da reforma para que os vereadores possam apreciar e debater. Ao que tudo indica, Zé ouviu os ecos do outro lado da Av. Assunção, já que uma das queixas dos edis era que o decreto do executivo era uma afronta ao poder legislativo. Pelo telefone, Davi comentou: “Zé não quer atrito com a Casa, mas decidiu ouvir os parlamentares. A lei permite que ele faça a reforma por decreto já que não houve criação de cargos nem aumento da Folha. Essa era uma mini reforma, já que em abril, ele pretende fazer outra”, explicou. Com essa iniciativa, o movimento do blocão da oposição fica meio desmobilizado. E agora, vereadores?

 

 

 

 

 

 

PEITANDO SEPE

Já o vereador Vanderson Bento (PTB) encarou o pessoal o SEPE Lagos na sessão esta terça (26). O sindicato pediu o uso da Tribuna Livre para protestar contra o atraso salarial. Mas eis que o vereador que vinha pedindo a volta às aulas, acabou criticando os sindicalistas e chegou a expor que muitos ganham até R$ 20 mil reais de salário “e não querem trabalhar”. Lógico que o sindicato não gostou, partiu pra cima do parlamentar, que por sinal, não se intimidou com a pressão. E essa briga ainda vai render, pode esperar. O vídeo com a fala de Vanderson está disponível na internet.

 

 

 

 

 

 

#15MINUTOSNORC COM JANIO

Nesta quarta-feira (27), a jornalista Renata Cristiane vai bater um papo ao vivo com o cara que é apontado como o principal conselheiro do prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), o ex-deputado estadual, Janio Mendes (PDT), que é uma das pessoas mais influentes junto ao presidente da Alerj, André Cecíliano (PT). Janio, que está em isolamento social, em casa, por ter testado positivo para a COVID-19, vai esclarecer várias polêmicas que estão em torno dele. Entre elas, a história de que ele estaria prestes a assumir uma secretária em Cabo Frio. Será que vem aí ou não? Essas e outras respostas, a gente confere a partir das 15h desta quarta na fanpage do RC24h e, também, na página da Costa do Sol FM. Não dá para perder, né?

 

 

 

 

 

 

AS TENDAS DO CABO

No município de Arraial do Cabo, não se fala de outra coisa senão na polêmica das tendas da super estrutura montada recentemente, na Marina dos Pescadores. Segundo publicação em Diário Oficial, que circula na internet, o aluguel da estrutura para apenas 90 dias custou aos cofres públicos R$ 285 mil. O documento foi assinado pelo presidente da Fundação Instituto da Pesca de Arraial do Cabo (Fipac), Rodrigo Félix de Jesus, primo do prefeito Marcelo Magno (SDD). Rolou ainda um boato de que a empresa contratada para o serviço, a Associação Carioca de Prestadores de Serviços Artísticos e Cultural – Procultural, seria do futuro diretor de Eventos de Arraial, Anderson Rocha, mas ao Portal RC24h, ele negou que esse equipamento seja dele. Anderson afirma que espera ser diretor, mas não é fornecedor da Prefeitura. De qualquer forma, a tenda está montada e “o circo está armado” em Arraial do Cabo. Afinal, se trata de um valor muito expressivo – R$ 95 mil por mês – para ser gasto pela Prefeitura em um espaço tão curto de tempo, sem qualquer tipo de licitação ou chamamento público. Nós questionamos ao município se foi feita alguma pesquisa de melhores preços para execução do serviço junto a outras empresas e qual foi o critério usado para firmar o contrato com a Procultural, mas, até o momento, a Prefeitura não respondeu nosso contato.

 

 

 

 

 

 

VOLTA ÀS AULAS EM BÚZIOS

O prefeito de Armação dos Búzios, Alexandre Martins (REP) fez uma reunião com diretores de escola da cidade nesta terça-feira (26), para iniciar os preparativos para a volta das aulas presenciais. Os trabalhos devem ser retomados a partir de abril. À proposito disso, o secretário Estadual de Educação, Comte Bittencourt (Cidadania), esteve, não só em Macaé, Rio das Ostras, Cabo Frio e Iguaba Grande na última segunda (25), mas também Búzios. Comte tem falado com os prefeitos da necessidade do planejamento, junto ao governo do Estado para retomar as aulas presenciais. A visita de Bittencourt na obra de uma futura escola na Rasa foi acompanhada também pela secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Carla Natália, e dos vereadores Josué Pereira (PRTB), Lorram Silveira (PRTB) e Aurélio Barros (PATRI). Alexandre está bastante animado com o projeto que conseguiu antes mesmo de sentar oficialmente na cadeira de prefeito.

 

 

 

 

 

 

PELA SEGURANÇA

Na manhã desta terça-feira (26), o prefeito de Iguaba Grande, Vantoil Martins (Cidadania), reuniu nomes ligados à segurança pública para tratar do assunto. Participaram da reunião, o secretário de Segurança e Ordem Pública, Fábio Costa, o subsecretário de Segurança e Ordem Pública, Capitão Escada, o comandante da 4ª CPA, Cel. Vollmer, o subcomandante do 4º CPA, Cel. Henrique, o Comandante do 25º BPM, Cel. Ibipiana e o comandante do CPROEIS, Cel. Carmo. Entre os temas discutidos no encontro, estiveram a solicitação de mais segurança e monitoramento para a cidade, com a apresentação do plano do Serviço de Monitoramento de Câmeras e a iniciação das tratativas para o convênio do Programa Estadual de Integração de Segurança (Proeis). Sobre o encontro, Vantoil afirmou que “[Segurança] É um dos três principais pilares para um bom funcionamento da cidade, junto com educação e saúde”.

 

 

 

 

 

 

REUNIÃO DA CONLESTE

O prefeito de Maricá, Fabiano Horta (PT) participou da primeira reunião de 2021, do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste), realizado no Palácio Guanabara na segunda-feira (25). Além de representantes dos 16 municípios participantes do consórcio, o encontro teve a presença do governador em exercício, Cláudio Castro (PSC). Segunda a Prefeitura de Maricá, durante o encontro, foi apresentado o plano de ações da entidade para os próximos anos, além de prestação de contas. “O Conleste é um instrumento fundamental e importante para que possamos dinamizar nossas cidades”, afirmou Horta.

 

 

 

 

 

 

SEM NET NO ESTADO

Os funcionários do Estado do Rio de Janeiro que chegaram para trabalhar nesta terça-feira (26), tiveram uma surpresa. Por conta de uma dívida de R$ 300 milhões, a Oi, responsável pela internet das repartições públicas estaduais, suspendeu o serviço. Ainda de manhã, o plantão Judiciário entrou em ação determinando que a Oi religasse imediatamente a internet do governo. Fora do ar, ficaram sistemas, como os agendamentos do Detran e da secretaria de Fazenda. As polícias, os Bombeiros e a Saúde também tiveram seus acessos parcialmente interrompidos. O governo, por sua vez, contesta a cobrança da Oi e aponta um superfaturamento nos serviços da empresa. De qualquer forma, que papelão para o Estado, hein? Já a turma da fake News (e do plágio) aqui de Cabo Frio, pelo jeito, tá com pagamento atrasado, pois imediatamente se voltou contra Dr Serginho, o responsabilizado. Pura mentira, pois o imbróglio nada tem a ver com o secretário Estadual de Ciência e Tecnologia.

 

 

 

 

 

 

LEITE MOÇONARO

O levantamento feito pelo portal Metrópoles revelou a grande farra feita com dinheiro público de um governo que, nas palavras do presidente, está quebrado. Segundo a matéria, o Executivo gastou, em 2020, R$ 1,8 bilhões de reais em compras. Chamaram a atenção, por exemplo, despesas de R$ 15 milhões de leite condensado e mais de R$ 2 milhões em chiclete. O brasileiro, é claro, não poderia deixar o fato passar e o assunto virou meme, com várias imagens por aí de leite “moçonaro” com sabor de “mamata”, aquela que Jair Bolsonaro tanto dizia que ia acabar durante a campanha eleitoral de 2018. Brincadeiras à parte, não deixa de ser um deboche com a cara dos milhões de brasileiros que tanto sofreram com a Pandemia de COVID-19, entre alguns vários que perderam emprego e outros que se encontram muito próximos de atingir a linha da miséria. Isso, é claro, sem contar da crise sanitária. Quantos cilindros de oxigênio não poderiam ser comprados com essa bagatela toda?

 

 

 

 

 

 

FESTA NO DOS OUTROS

Quem vê o comportamento do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), nesta semana, simplesmente não consegue mais reconhecer o líder negacionista que “governou” o país desde o começo da pandemia de COVID-19. O chefe do Executivo federal parece ter finalmente se rendido a vacina e resolveu tomar frente do movimento que tanto lutou para boicotar, em prol de um tratamento precoce, que se comprova cada vez mais ineficiente. Na coluna da última segunda (25), destacamos que o presidente, inclusive, tinha agradecido a China pela liberação dos insumos para a produção da CoronaVac, aquela vacina tão detestada por Bolsonaro que foi alvo de diversos pronunciamentos negativos do presidente. Acontece que a informação da liberação desses insumos não era destinada ao presidente Bolsonaro e, sim, se tratava de negociações conduzidas pelo governador de São Paulo, João Dória (PSDB). Grande aliado de outrora, o tucano não escondeu o descontentamento com o “vazamento” das informações por parte do presidente e o acusou de negacionismo e oportunismo. Esse embate “BolsoDória” ainda promete dar muito pano pra manga, viu?

Categorias: Política Boca Miúda

Fotos da notícia




Outras notícias