ePrivacy and GPDR Cookie Consent by Cookie Consent DE RACHADINHA A CORONAVÍRUS - Secretário de Saúde de Cabo Frio passa por semana conturbada | RC24H | O Portal de Notícias da Região dos Lagos

DE RACHADINHA A CORONAVÍRUS - Secretário de Saúde de Cabo Frio passa por semana conturbada

Depois de publicado em coluna do Portal, nome de Iranildo Campos tem aparecido em matérias nacionais desde o início da semana


O secretário de Saúde de Cabo Frio, Iranildo Campos, ao parace, tem tido dias bastante conturbados, afinal, Há exatamente uma semana, o secretário está no holofote da mídia nacional e regional. E sua saga continua.

A novidade agora é que Iranildo testou positivo para o novo coronavírus. A informação foi dada pela pela Prefeitura no início da tarde desta quinta-feira (21), a qual explicou que o diagnóstico foi confirmado por teste no Centro de Triagem da Covid-19, ao lado da UPA, nesta quarta (20). Segundo a Prefeitura, Iranildo cumpre isolamento domiciliar e está sendo medicado e monitorado pela equipe de saúde. O detalhe, é que na cidade, muita gente desconfiou das condições reias de saúde dele, por causa dos últimos episódios envolvendo seu nome.

Os problemas começaram desde a quinta-feira (14) passada, após a prisão do empresário Mario Peixoto. Informamos no Portal RC24h, através da coluna Boca Miúda, que descobrimos que o secretário tinha ligação com o empresário Mário Peixoto, preso naquele dia, na operação Favorito, da PF, braço da Lava Jato. Segundo fontes ligadas ao prefeito Dr Adriano, foi Peixoto quem teria indicado Iranildo para nomeá-lo como titular da secretaria. Na ocasião, Iranildo teria a missão de implantar uma OS (Organização Social), que é exatamente por onde passava o esquema de  fraudes de superfaturamento de compras do setor por parte do empresário.

Aprofundando mais o assunto, o jornal do SBT dessa quarta-feira (20), mostrou outros detalhes dessa ligação de Iranildo com Mário Peixoto. A reportagem chega a destacar o secretário, o colocando como peça chave para que o esquema das OSs acontecesse em Cabo Frio, sendo a pessoa indicada pelo próprio governador Witzel, que inclusive, também vem sendo investigado por causa da relação com o empresário Peixoto. 

 

 

E veio mais bomba. Desta vez nos telejornais da temida Rede Globo. O nome de Iranildo foi citado na segunda (18), terça (19) e quarta-feira (20) no Jornal Nacional  e outros da programação da emissora, por ligação em outro esquema. Desta vez,  o das 'rachadinhas' na Alerj, da época em que era deputado. 

As reportagens mostraram que o gabinete de Iranildo Campos foi citado no relatório do Coaf, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras, que deu origem à operação Furna da Onça, de 2018 durante investigação da Polícia Federal sobre suspeitas de corrupção na Alerj.

Na ocasião, o advogado Victor Alves, que trabalhava no gabinete de Iranildo, quando realizou operações financeiras suspeitas. O mesmo advogado teria presenciado o vazamento da operação para Flávio Bolsonaro, deputado estadual naquela época, e que também é investigado pela PF por prática de 'rachadinha' - quando funcionários do gabinete repassam parte dos salários para os deputados. Segundo o Ministério Público, foi identificado no gabinete de Iranildo um fluxo de dinheiro que sinalizava essa prática. Ao ser perguntado sobre isso, Iranildo disse desconhecer o esquema.

E agora, por último, a notícia de que está com a Covid-19. Pessoas próximas acham que esse turbilhão de acontecimentos acabou por piorar sua imunidade, já que Iranildo tem ainda o agravante de ser um homem idoso e fumante. 

Na prefeitura, ninguém comenta a situação. E por enquanto, o secretário segue afastado por conta do tratamento do coronavírus. Mas não há sinais de que todo esse desgaste de imagem sofrido nos últimos dias tenha afetado seu poder, tampouco o prestígio junto ao prefeito de Cabo Frio, Dr Adriano Moreno.

Categorias: Política

Fotos da notícia




Outras notícias