Saúde

Região dos Lagos elege nova diretoria do Consórcio Intermunicipal de Saúde

Marquinho Mendes, de Cabo Frio, é o novo Presidente do consórcio

Em: 29/11/2017 às 17:49:13
Da redação

Na manhã de quarta (29), representantes e prefeitos da Região dos Lagos se reuniram no Gabinete da Prefeitura de São Pedro da Aldeia para eleger a nova diretoria do Consórcio Intermunicipal de Saúde.  Após votação, o prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes, foi eleito presidente do Consórcio, e o Prefeito de Arraial do Cabo, Renatinho Vianna, vice-presidente. O Consórcio Intermunicipal de Saúde é uma associação entre os municípios da Região que gerencia os serviços de saúde ambulatoriais especializados nas áreas de consultas médicas, terapias e exames complementares, bem como outros serviços.

 

O Sistema de Consórcios Intermunicipais é regulado por lei e permite a formação de uma sociedade de direito privado entre os municípios e no âmbito do SUS – Sistema Único de Saúde. Sua formação é uma iniciativa autônoma de municípios próximos e com necessidades na área de saúde. Segundo o novo presidente, Marquinho Mendes, mediante a crise é fundamental a união entre os municípios.

 

“A única maneira de se resolver a saúde regionalmente é através do Consórcio, e nós entendemos que se avançarmos conforme determinamos, resultará em um grande avanço para o cidadão”, destacou o prefeito de Cabo Frio.

 

Roberto Pillar, secretário de Saúde de Cabo Frio, observou que as melhorias proporcionadas pela criação do consórcio não serão imediatas, e sim gradativas:  

 

“O mais importante é ter a noção exata de que esse consórcio não é o salvador da pátria, e sim uma ferramenta importante para conseguirmos trazer novos serviços para a região e otimizar o atendimento à população. Essa medida vai proporcionar a divisão das despesas entre os municípios e trazer um aporte financeiro junto aos governos Estadual e Federal. Também é preciso ressaltar que esses benefícios não serão imediatos, da noite para o dia, e sim gradativos. Sabemos que, em breve, a sociedade vai começar a cobrar resultados, mas precisamos ter os pés no chão. Além disso, precisamos definir as estruturas de forma conjunta, e não individualizada. A eleição do Marquinho é importante devido a sua influência em Brasília e no Estado, além do fato dele ser médico” – esclareceu Roberto Pillar.

 

Para o Secretário Municipal de Saúde de Iguaba Grande, Leônidas Heringer, o Consórcio é uma cooperação que beneficia a todas as cidades envolvidas.

 

"Municípios pequenos possuem muitas dificuldades para atender suas demandas da área de saúde de forma proporcional a sua arrecadação. Com os consórcios, temos um ganho e serviços antes indisponíveis são rateados por vários municípios", explicou Leônidas.

 

A formação do consórcio garante o atendimento integral do cidadão de acordo com suas necessidades, mesmo que o município onde ele vive não possua o serviço de Saúde que ele necessita. Além disso, com o uso da tecnologia, há redução no tempo de espera e é possível priorizar os casos mais graves. O consórcio também permite que os serviços de Saúde sejam geridos com inteligência, utilizando-se da tecnologia para o armazenando de informações sobre a população atendida e buscando aumentar as vagas quando se constata a necessidade, diminuindo as filas de espera.

 


 Tópicos: Consórcio Intermunicipal de Saúde,  Região dos Lagos,  Eleição da diretoria,  Saúde, 


Fotos





Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.