Educação

CABO FRIO - Charitas e Estácio sediam 1° Curso de Extensão sobre Estudo da Cultura Afro-Brasileira

Encontros acontecem até o dia 30 de novembro

Em: 16/10/2017 às 16:34:39
Da redação

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi), da Universidade Estácio de Sá, em parceria com a 'Rede das Pretas' e Secretaria de Cultura, está com inscrições abertas para o 1° Curso de Extensão "Abayomi: cultura afro-brasileira de resistência”. Os encontros, que acontecem na Universidade Estácio de Sá (campus Cabo Frio) e na Casa de Cultura José de Dome – Charitas, vão até o dia 30 de novembro com atividades também programadas para acontecer em espaços de referência histórica da cultura negra na cidade de Cabo Frio. As inscrições podem ser feitas na hora e a carga horária é de 72 horas.

 

Segundo a coordenadora do Neabi, Maria Clara Arruda, a proposta do curso é o fortalecimento da resistência na luta contra o racismo, intolerância e discriminação racial, compartilhando experiências do dia-a-dia e estreitando os vínculos para construir estratégias que transformem a atual realidade.

 

“O objetivo é resgatar os valores da nossa história, da nossa cultura e da nossa vivência. O curso é voltado para universitários, mas também para membros da comunidade que queiram ampliar a visão nos assuntos relacionados à desigualdade racial. Queremos formar pessoas conscientes politicamente para transformar a sociedade, visto que o principal indicador de desigualdade brasileira está ligado à questão racial”, explicou.

 

Para o subsecretário de Cultura de Cabo Frio, João Félix, “um curso que trata da cultura afro, acontecendo dentro de uma universidade, é algo de extrema importância porque a gente entende que este é um local propício para receber discussões sobre todas as influências”.

 

Abayomis são pequenas bonecas feitas à mão, e surgiram na época da escravidão. As mulheres negras confeccionavam essas peças com pedaços de suas saias, único pano encontrado nos navios negreiros, com o objetivo de acalmar as crianças e trazer alegria para todos (a palavra “abayomi” significa aquele que traz felicidade ou alegria). Considerado um amuleto até os dias de hoje, essas bonecas fazem parte de uma cultura milenar e representam um símbolo de resistência.

 

Em outubro, os próximos encontros estão programados para os dias: 19 (das 8h às 17h); 21 (das 17 às 20h) e dia 26 (das 17h às 20h). Em Novembro nos dias 9 (das 17h às 20h); 11 (das 8h às 17h); 16 (das 19 às 22h); 23 (13h às 22h) e dia 30 (das 17h às 20h). Outras informações no https://www.facebook.com/neabiunesa

 

A Universidade Estácio de Sá fica na Avenida General Alfredo Bruno Gomes Martins (Estrada Cabo Frio x Arraial), s/nº, lote 19, no bairro Braga, em Cabo Frio. Já o Charitas fica na Avenida Assunção, 855, no Centro.


 Tópicos: Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi),  Universidade Estácio de Sá,  Rede das Pretas,  Secretaria de Cultura de Cabo Frio,  Charitas, 


Fotos





Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.