Polícia

CABO FRIO - Professor é agredido por cerca de 15 alunos em escola do segundo distrito

Augusto César Trindade Marques, de 57 anos, foi agredido na escola Municipal Edith Castro

Em: 11/10/2017 às 09:13:36
Da redação

Na última sexta-feira (6), o professor Augusto César Trindade Marques, de 57 anos, foi agredido por cerca de 15 alunos da Escola Municipal Edith Castro, no segundo distrito de Cabo Frio, onde dá aulas de Biologia. A motivação teria sido o fato do professor ter chamado atenção de um aluno que pediu para ir ao banheiro e não voltou para a sala.

 

Augusto, que teve escoriações na cabeça, boca e mãos, registrou o caso na 126ª DP. O aluno apontado como o responsável pelo início das agressões foi ouvido e liberado. De acordo com o professor, os outros envolvidos na agressão têm entre 13 e 18 anos.

 

“Estou muito abalado. Nunca imaginaria passar por uma situação como essa após quase 20 anos de profissão. No geral, tenho um bom relacionamento com todos os alunos, mas sempre tem um núcleo de alunos problemáticos. Este aluno que iniciou as agressões, por exemplo, quase nunca frequenta a sala de aula e tem um histórico antigo e extenso de anotações no livro de ocorrência da escola. Quando ele não está suspenso, está matando aula. Uma comissão extraordinária irá decidir o futuro dos alunos envolvidos” – detalhou o professor.

 

A comissão citada por Augusto será formada por membros da Secretaria Municipal de Educação, Polícia Militar, Ministério Público e Conselho Tutelar, que irá avaliar a situação dos estudantes envolvidos no caso. Até o momento, todos permanecem matriculados e não foram suspensos.

 

“A secretaria de Educação me ofereceu um tratamento psicológico, e talvez eu tenha que usar remédios controlados por um período. Não está sendo fácil, mas vou superar essa situação. Agora, mais do que nunca, vou me dedicar ao ofício de educador. Não sei quando terei cabeça para retornar às salas de aula, mas posso garantir que não vou jogar a toalha. Estou em contato com o comandante do batalhão para aperfeiçoar um trabalho de educação cívica nas unidades escolares” – finalizou Augusto César Trindade.

 

 

 


 Tópicos: Professor agredido,  Augusto César Trindade Marques,  Escola Municipal Edith Castro,  Comissão extraordinária,  Secretaria Municipal de Educação,  Polícia Militar,  Ministério Público,  Conselho Tutelar, 


Fotos





Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.