Política

Eleição para mesa diretora da Câmara de Cabo Frio pode ter três candidatos à presidência

Luis Geraldo, Ricardo Martins e Rafael Peçanha são os nomes ventilados nos bastidores

Em: 27/09/2017 às 15:48:24
Equipe RC24h

Está na pauta da sessão desta quinta-feira (27), a eleição da mesa diretora, para o segundo biênio, da Câmara de Cabo Frio. A escolha do presidente, primeiro e segundo secretários foi antecipada, graças a um Projeto de Resolução, aprovado pela maioria dos vereadores, que modificou a Lei Orgânica Municipal e o Regimento Interno da Casa Legislativa. De acordo com o atual presidente, Aquiles Barreto, os edis interessados vão se apresentar na hora da sessão, não havendo candidatura antecipada. Mas, nos bastidores, a eleição movimenta os corredores da Câmara há semanas.

 

Até o início da tarde desta quarta-feira (27), três nomes foram cogitados, dois deles como certos, o de Luis Geraldo e Ricardo Martins. O terceiro vem da oposição, que ainda não tem uma estratégia definida, mas há possibilidade de Rafael Peçanha se apresentar como candidato amanhã.

 

 

Luis Geraldo é o candidato do governo e já tem os votos da bancada governista, incluindo o de Aquiles Barreto, que já declarou para o Portal RC24h que vai votar no colega. Há semanas, aliás, a movimentação do grupo de apoio ao prefeito Marquinho Mendes é grande, no sentido de neutralizar as correntes contra o governo e fortalecer a candidatura de Luis, garantindo a vitória.

 

 

O candidato da bancada governista está bastante confiante, mas prefere não entrar no clima do "já ganhou". Segundo Luis Geraldo, ele vem trabalhando constantemente, conversando com os colegas e a expectativa para a sessão de amanhã é boa. "Acreditamos em uma consolidação e trabalhamos pela vitória. Mas é bom lembrar que uma eleição se decide na hora e tudo pode acontecer. Seguimos confiantes", disse o vereador. 

 

 

Já Ricardo Martins, é o candidato do grupão (ou baixo clero), que há semanas está articulando a candidatura para a presidência. A equipe do RC24h entrou em contato com ele, que disse acreditar na união do grupo entorno da candidatura, mas confessou ser uma “missão quase impossível”, vencer o candidato do governo.

 

 

A oposição, ainda está decidindo o que vai fazer. Existe a possibilidade de colocarem o nome de Rafael Peçanha na disputa. Mas ainda não é certo. Segundo o vereador, a única certeza é que, pelo menos ele, não votará no candidato do governo. “Nada pessoal, gosto muito do Luis (Geraldo). É uma questão de posicionamento político. Mas não posso negar que há uma tendência de que eu seja o candidato da oposição”, disse ele de forma cautelosa, transparecendo um respeito redobrado.

 

 

 

Um candidato da oposição, hipoteticamente, teria quatro votos. Que seriam de Vanderlei Bento, Vinicius Corrêa, Oséias de Tamoios e Rafael Peçanha. Mas, opor enquanto, o grupo não fechou questão. Vanderlei, por exemplo, afirmou que ainda não é certa a estratégia da oposição. Segundo o vereador, o objetivo dele é uma presidência independente. “Não tem nada decidido”, disse o edil, demonstrando que o voto dele ainda é um mistério. A bancada se reúne na noite desta quarta, para definir a estratégia. 


 Tópicos: política,  eleição da Câmara,  Cabo Frio, 


Fotos







Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.