Opinião

Colunista RC24h - Marcia Jeovani: Atenuar a Dor

Os males da fibromialgia

Em: 18/08/2017 às 16:04:26
Marcia Jeovani

Creio firmemente que não há propósito mais nobre para a ciência e a tecnologia do que amenizar a dor, o sofrimento e a miséria da humanidade. A verdadeira essência da ética científica é honrar a dignidade humana e conduzir as pessoas a um patamar sempre acima no aperfeiçoamento do ser.
Daí porque demonstro o maior interesse em apresentar a meus pares na Assembleia Legislativa projetos de lei que busquem melhorias significativas para a precária condição humana.

 


Tenho me dedicado com empenho em promover a implantação de Centros de Diagnóstico de Pacientes com fibromialgia no Estado do Rio de Janeiro. Como sabemos, a fibromialgia é uma síndrome que provoca dores intensas nos músculos, tendões, articulações e se manifesta de modo generalizado em todo o corpo, levando à fadiga, interrupções do sono, dificuldade de concentração, perda da memória, ansiedade, depressão, alterações intestinais e urinárias, dormências e muitos outros incômodos físicos e emocionais.

 


Infelizmente, essa terrível síndrome não tem cura e a elaboração do diagnóstico pode levar até três anos para se confirmar. Depois de corretamente diagnosticada, a fibromialgia apresenta tratamentos farmacológicos (como o uso de antidepressivos, analgésicos e anticonvulsivantes, entre outros) e não farmacológicos (tais como exercício aeróbico moderado, terapia cognitiva, alongamento, fortalecimento muscular, acupuntura e hidroterapia). Os pacientes acometidos da doença podem passar por sofrimentos desnecessários por não terem informações adequadas a respeito das formas de tratamento.

 

A criação de Centros de Atendimento aos Pacientes com Fibromialgia terá por finalidade principal o diagnóstico precoce da doença, com a finalidade de garantir o tratamento e acompanhamento dos pacientes, dando-se prioridade a mulheres na faixa etária de 20 a 60 anos, pois é quando ocorre, de acordo com pesquisas, a maior incidência da síndrome.

 


Os Centros de Atendimento aos Pacientes com Fibromialgia serão distribuídos por Regiões no Estado do Rio de Janeiro para receber pacientes da rede pública de saúde, mediante fluxograma de atendimento a ser estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde, e para realizarem os exames necessários, como a Ressonância Magnética Funcional e a Termografia Médica.

 


Fico empolgada com a possibilidade concreta de estendermos o atendimento desses Centros a pessoas que lidam cotidianamente com as mazelas e os infortúnios que a fibromialgia provoca. Estou certa de que vamos cooperar para a real melhoria da qualidade de vida de um número abrangente de pessoas, utilizando os modernos recursos que a medicina oferece.

 


Como já mencionei, não há propósito maior para a ciência do que ajudar as pessoas a superarem suas dores. Portanto, vamos trazer ao alcance dos cidadãos cariocas e fluminenses os instrumentos necessários para que a dor diminua, o sofrimento seja atenuado e a vida possa ser vivida com mais alegria e esperança.  

 

 

 

 

*Marcia Jeovani é deputada estadual na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), ex-primeira-dama de Araruama e empresária. Muito atuante na Alerj, faz parte das comissões de Defesa dos Direitos da Mulher, de Saúde, de Obras Públicas, da Pessoa com Deficiência, Assuntos da Criança, Adolescente e Idoso, Cultura e Agricultura, Pecuária e Políticas Rural, Agrária e Pesqueira. 


 Tópicos: Colunista RC24h,  Marcia Jeovani, 


Fotos







Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.