Polícia

Jeffinho do Gás sob a mira da Homicídios

Polícia investiga envolvimento do vereador, apontado como mandante da morte de empresário de Iguaba, na coação da testemunha do crime

Em: 14/06/2017 às 13:11:37
Da Redação*

No dia em que a única testemunha do assassinato do empresário Carlos Henrique de Souza, o Cariri, de 53 anos - executado a tiros no bairro Canellas City, Iguaba, em janeiro desse ano - recebeu uma intimação para depor sobre o crime, três policiais militares invadiram a pousada do empresário, que foi agredido, roubado e ameaçado de morte. Os três PMs, entre eles o capitão Cristiano André Ferreira, foram presos na última quinta-feira. A polícia vai investigar o envolvimento do vereador Jefferson Ferreira Martini (PTC), o Jeffinho do Gás, apontado como mandante da morte de Cariri, na coação da testemunha.


O vereador foi preso por agentes da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo, no último sábado (10), quando passava pela Ponte Rio-Niterói com a família. Ele seguia para Disney quando foi surpreendido pelos policiais, que cumpriram um mandado de prisão temporária por homicídio.


O nome de Jeffinho surgiu durante as investigações da morte de Cariri, em janeiro de 2017, e do assassinato de Márcio Luiz Barbosa, ocorrida em julho de 2016. A apuração policial apontou que os dois crimes poderiam estar relacionados, já que as vítimas venderam um terreno - que pertencia a uma outra pessoa - para o parlamentar.


No último dia 31, policiais da DH cumpriram mandados de busca e apreensão na casa de Jeffinho. As buscas também aconteceram na Câmara Municipal. Na ocasião, ele declarou que foram recolhidos documentos referentes à escritura de um terreno em Araruama.


A defesa do vereador - eleito com 410 votos pelo Partido Trabalhista Cristão (PTC), em 2016 - preferiu não dar declarações sobre o caso.


*Com informações do jornal O São Gonçalo

 

 

 


 Tópicos: Jeffinho do Gás sob a mira da Homicídios, 


Fotos







Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.