Educação

ATUALIZADA/ Educação de Cabo Frio faz paralisação de 24 horas nesta segunda por causa de salário atrasado. Prefeito se reúne com servidores à tarde

Categoria afirma que cronograma de pagamentos acordado em janeiro com a Prefeitura não foi cumprido

Em: 15/05/2017 às 11:16:10
Da Redação

Profissionais da rede municipal da Educação de Cabo Frio fazem uma paralisação de 24 horas nesta segunda-feira (15). Segundo o Sindicato dos Profissionais da Educação na Região dos Lagos - Sepe Lagos, o motivo do ato é o não cumprimento, por parte da Prefeitura, do acordo de pagamentos de salários atrasados, que tiveram as datas definidas durante reunião em janeiro. Cerca de 60% dos servidores se declararam em estado de greve, segundo o Sepe Lagos.


Segundo o sindicato, estão atrasados o mês de abril de 2017 e as duas parcelas do 13º salário de 2015; estas últimas deveriam ter sido pagas em março e abril. As demais parcelas acordadas na reunião em janeiro foram pagas corretamente, de acordo com o sindicato.


 

MARQUINHO SE REÚNE COM SEPE NESTA TARDE

 

A Prefeitura de Cabo Frio informou ao Portal RC24h que só terá como saber a porcentagem de profissionais que aderiram à paralisação de 24 horas e quantas escolas foram afetadas quando a folha de ponto for entregue pelas escolas na Secretaria de Educação, no início de junho. No entanto, a pasta está fazendo acompanhamento da adesão à paralisação.
 

"Em relação aos salários, a Prefeitura informa que os contratados receberam na semana passada. Nesta segunda-feira (15), o pagamento dos efetivos será encaminhado ao banco. No fim da tarde de hoje (desta segunda-feira, 15 de maio), o prefeito Marquinho Mendes se reúne no gabinete com representantes do Sepe.

 

 

 

 


 Tópicos: Geral, 


Fotos







Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas

Renata Cristiane

contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 99930-8382
Todo conteúdo publicado neste portal é de responsabilidade exclusiva da redação do RC24h.