Noite de gala marca abertura do 4º Festival Nacional de Dança de São Pedro da Aldeia

Competições de dança acontecem durante o decorrer deste sábado (12) a partir das 9h, com as apresentações de Baby Class e Infantil e, a partir das 14h, Juvenil e Adulto

Em: 12/08/2017 às 11:58:19

A abertura oficial do 4º Festival Nacional de Dança de São Pedro da Aldeia, que ocorreu na noite desta sexta-feira (11), foi marcada por muita emoção e apresentações artísticas especiais. A Noite de Gala do “Fest Dance Aldeense” reuniu grupos e bailarinos de toda a Região dos Lagos no Teatro Municipal Dr. Átila Costa. Ao todo, 30 coreografias compuseram a noite de shows, trazendo ao palco diferentes técnicas e estilos.

 

As competições de dança acontecem durante o decorrer deste sábado (12) a partir das 9h, com as apresentações de Baby Class e Infantil e, a partir das 14h, Juvenil e Adulto.

 

Prestigiando a noite de abertura, o secretário de Governo, Eronildes Bezerra, destacou a importância do incentivo aos eventos de cunho cultural no município. “É com muita alegria que recebemos o quatro Festival Nacional de Dança em São Pedro da Aldeia. Esse é um momento muito feliz porque vemos crianças, jovens, adultos e pessoas de todo o biotipo atravessando um processo de criatividade, de dedicação e de investimento do seu tempo. Dança é cultura, é saúde, é expressão artística e, através de eventos como este, nós transformamos a sociedade. Por isso, a Prefeitura tem que investir e acreditar cada dia mais na cultura. O Festival, como qualquer outro evento cultural que aconteça no município, será sempre bem-vindo”, disse.

 

Durante a noite, dezenas de bailarinos encantaram o público com coreografias de diferentes modalidades, passando pelo ballet clássico, de repertório, livre, jazz e contemporâneo. Abrindo a noite especial, os alunos da Escola de Artes Municipal apresentaram o espetáculo de dança “Gente da Gente”, em comemoração aos 400 anos de São Pedro da Aldeia. Vinculada à Secretaria de Educação, a unidade oferece gratuitamente à população aldeense oficinas de dança, música, artes cênicas e artes plásticas, com prioridade aos alunos na faixa etária escolar. Sob a direção de Evana Peres, a Escola conta com 56 oficinas semanais e mais de 600 alunos matriculados em 2017.

 

Diretor logístico e financeiro do “Fest Dance Aldeense”, e também um dos idealizadores do festival, Fabiano Teixeira falou sobre a iniciativa. “Este é um evento que acontece em São Pedro da Aldeia há 4 anos, trazendo para a nossa cidade artistas da dança de várias partes do Brasil, incluindo jurados de nível internacional, colocando, assim, São Pedro da Aldeia no circuito nacional dos festivais de dança. É um evento que foca no artista da dança, sendo voltado não só para o lado artístico, mas também profissional. Nosso objetivo é valorizar a cidade como um todo”, disse.

 

Bailarina profissional convidada, Beatriz Póvoas, do Dance Alive National Ballet, foi um dos destaques da noite, ao lado de Gleysson Mendes, ambos com formação na Cia Ballet Márcia Sampaio. Com 14 anos de idade, Gleysson já é veterano em competições e festivais regionais e nacionais, como o tradicional Festival de Dança de Joinville. Aluno há três anos do Ballet Márcia Sampaio, de Cabo Frio, o jovem já é uma das promessas da companhia. “Este ano será a primeira vez que o levarei para uma competição internacional, em outubro, em Montevidéu, no Uruguai. Ele é muito dedicado e sempre se destaca em tudo o que faz”, comentou Márcia Sampaio, que também é idealizadora e organizadora do Festival Internacional de Dança de Cabo Frio.

 

Como premiação do Concurso de Dança, medalhas para 1º, 2º e 3º lugar de solo, duo, trio e quarteto de cada modalidade e troféus para as três primeiras colocações de Grupos. Também haverá premiação especial para melhor bailarina/melhor bailarino, bailarino revelação, melhor coreografia e melhor escola/grupo.

 



Repórter Renata Cristiane
contato@rc24h.com.br
Twitter: @renatarc24h
Tel.: 55 (22) 9993-77669